As inscrições para a 11ª edição do Prêmio Professores do Brasil estão abertas, até dia 28 de maio, no portal: http://premioprofessoresdobrasil.mec.gov.br. A iniciativa do Ministério da Educação busca reconhecer, divulgar e premiar o trabalho de professores de escolas públicas que contribuem para a melhoria dos processos de ensino e aprendizagem desenvolvidos nas salas de aula.

Podem participar professores da educação básica da rede pública de todo o Brasil, que devem enviar relatos de práticas pedagógicas desenvolvidas com seus alunos, tais como: projetos, experimentos, aulas, seminários, que tenham produzido efeitos positivos no processo de ensino-aprendizagem. Poderão ser inscritos relatos de prática docente com resultados comprovados durante o ano letivo de 2017 ou 2018, até o final das inscrições, conforme o regulamento do prêmio.

O prêmio é dividido em três etapas: estadual, regional e nacional. Os participantes vão concorrer nas categorias educação/creche, educação infantil/pré-escola, anos iniciais do ensino fundamental/1º, 2º e 3º anos, anos iniciais do ensino fundamental/4º e 5º anos, anos finais do ensino fundamental/6º ao 9º ano e ensino médio.

Na etapa estadual, os três primeiros colocados em cada categoria recebem certificado e o vencedor, um troféu. Na regional, são R$ 7 mil, mais troféu e viagem oferecida pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Na categoria nacional, são mais R$ 5 mil e troféu.

Além dessas, os professores podem concorrer em uma das cinco categorias nas temáticas especiais: o esporte como estratégia de aprendizagem; uso de tecnologias de informação e comunicação no processo de inovação educacional; boas práticas no uso de linguagens de mídia para as diferentes áreas do conhecimento no ensino fundamental e médio; práticas inovadoras de educação científica; e educação empreendedora. A premiação para as temáticas especiais inclui R$ 5 mil para os professores vencedores ou as escolas, viagens e participação na programação da TV Escola.

- Leia o regulamento de inscrição AQUI
 
 
 

A Escola Raul Monte recebeu, nesta sexta-feira (04/05), a Orquestra de Violões da UFC Sobral, que apresentou um repertório com temas de desenho e seriados infantis, além de alguns arranjos da música popular. A atividade faz parte do projeto "Música na Escola”, que já se apresentou nas escolas Gerardo Rodrigues e Netinha Castelo.

O próximo recital será realizado na Escola Trajano de Medeiros, no dia 11 de abril, às 9h, com o grupo de choro Lágrimas da PS. Criado em janeiro de 2015, o grupo é formado por professores e estudantes da Licenciatura em Música da Universidade Federal do Ceará – UFC Sobral e tem como um dos objetivos a ampliação do universo musical de crianças e adolescentes através da apresentação em escolas públicas e concertos didático.


Com o apoio da Secretaria da Educação de Sobral, o projeto "Música na Escola" realiza recitais didáticos, às sextas-feiras, nas escolas municipais de ensino fundamental final. O objetivo é desenvolver ações formativas em música para estudantes das escolas municipais e para estudantes da licenciatura em Música da UFC Sobral.

 

A Secretaria da Educação de Sobral divulgou, nesta quinta-feira (03/05), a lista de alunos selecionados para o curso de Robótica Educativa. O curso faz parte do programa #OcupaJuventude, lançado no dia 6 de abril pela Prefeitura de Sobral.

A aula inaugural do curso será realizada, no dia 19 de maio, a partir das 8h, na Unidade do SESI de Sobral. Serão beneficiados 150 estudantes do 8° e 9° ano do ensino fundamental matriculados na rede pública municipal de ensino.

O curso “Fábrica de Robôs: Robótica Matematizada” será realizado na Unidade do SESI de Sobral, localizada na Av. Dr. Arimateia Monte e Silva, 1003 - Centro, próximo ao Centro de Convenções. Os estudantes serão capazes de programar robôs autônomos com a tecnologia Lego, aprofundando os conhecimentos nas áreas de ciências, tecnologia e matemática. Saiba mais: (88) 3677-1209.

- Consulte a lista de inscritos, clicando AQUI.

 

 


As escolas municipais de Sobral realizarão, no sábado (05/05), o dia “D” de Busca Ativa Escolar. Os agentes educacionais irão visitar as famílias com crianças e jovens de 4 a 17 anos, visando trazer os alunos evadidos de volta para a sala de aula. A iniciativa é uma das estratégias do “Fora da Escola Não Pode!”, promovido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) para ajudar os municípios a combater a exclusão escolar.

O Fora da Escola Não Pode! é uma iniciativa do UNICEF para garantir que cada criança e adolescente esteja na escola e aprendendo. Desenvolvida por meio de diversas frentes de atuação, a iniciativa procura conscientizar diferentes atores responsáveis pela inclusão escolar, e também a sociedade em geral, sobre o problema da exclusão escolar e sugerir planos práticos para chegar a uma solução.

A Busca Ativa Escolar é uma plataforma gratuita para ajudar os municípios a combater a exclusão escolar, que auxiliará na identificação, registro, controle e acompanhamento de crianças e adolescentes que estão fora da escola ou em risco de evasão. Por meio da Busca Ativa Escolar, municípios e estados terão dados concretos que possibilitarão planejar, desenvolver e implementar políticas públicas que contribuam para a inclusão escolar.

Com proposta semelhante o Governo do Estado do Ceará lançou o programa “Nem Um Aluno Fora da Escola”. A iniciativa atuará em dois eixos: prevenção do abandono escolar e inserção no sistema educacional de jovens que já se encontrem ausentes das unidades de ensino. A ideia do Estado é premiar os municípios que se destaquem com os melhores resultados.
 

 


As inscrições na seleção pública para assistente de alfabetização terminam às 23h59 desta quarta-feira (02/05). Para participar da seleção, é preciso ter licenciatura em Pedagogia e experiência com alfabetização. Professores da rede com disponibilidade de carga horária e estudantes de Pedagogia, a partir do 5º período, também podem se candidatar.

O Programa Mais Alfabetização tem o objetivo de fortalecer e apoiar as unidades escolares no processo de alfabetização, para fins de leitura, escrita e matemática, dos estudantes nos 1º e 2º anos do ensino fundamental.

- Faça sua inscrição AQUI
- Leia o edital AQUI