Mais de 34 mil estudantes matriculados nas 62 unidades escolares da rede pública municipal de ensino de Sobral voltaram às aulas, nesta segunda-feira (03/02), na sede e distritos de Sobral. O secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima, esteve visitando algumas unidades escolares para dar as boas-vindas aos estudantes e desejar um excelente ano letivo aos educadores.

Neste primeiro semestre, as escolas irão realizar seis sábados letivos, nos meses de fevereiro (29), março (28), abril (04), maio (30) e junho (6), visando garantir o cumprimento dos 200 dias letivos previstos na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB). As aulas seguem até o dia 30 de junho conforme o calendário letivo.


A rede de ensino conta com 15 Centros de Educação Infantil, 5 Escolas de Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano), 6 Escolas de Ensino Fundamental II (6° ao 9° ano), 7 Escola de Tempo Integral e 29 Escolas Mistas, que oferecem da Educação Infantil ao 9º ano do Ensino Fundamental.
 

Dando mais um passo rumo à excelência na educação pública do Município, a Secretaria da Educação de Sobral lançou o Documento Curricular da Educação Infantil de Sobral, em seminário realizado na sexta-feira (31/01), no Centro de Educação a Distância. A solenidade abriu o ano letivo 2020 e contou com a participação de diretores, coordenadores e professores da Educação Infantil da Rede Municipal de Ensino de Sobral.

Na ocasião, foram entregues os certificados para os participantes do grupo de trabalho de elaboração do currículo e exibido um vídeo, que apresenta o cenário da educação de Sobral e explica como está estruturado o currículo da Educação Infantil. Cada escola recebeu exemplares do Documento Curricular da Educação Infantil e o banner que retrata a estrutura do currículo.



O secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima, destacou os investimentos na educação infantil e a importância do momento para a educação de Sobral. “Provavelmente, temos o primeiro documento curricular finalizado e formalizado de um município já inspirado nas expectativas que a BNCC tem e em outras expectativas que são regionais e próprias de Sobral. Certamente, este documento vai servir também de inspiração para outros municípios, educadores e gestores conceberem os seus currículos no âmbito da Educação Infantil. A realização deste momento é um marco importante para a educação de Sobral e, de maneira mais especial, para a educação infantil”, disse o gestor.


A elaboração do documento teve início em 2017 com a criação do grupo de trabalho formado por diretores escolares, coordenadores pedagógicos, formadores da Escola de Formação Permanente do Magistério e Gestão Educacional (Esfapege), do Conselho Municipal de Educação sob a consultoria da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, que definiram conceitos e realizaram estudos que norteariam a produção do currículo.

Estamos aqui hoje para enaltecer o profissionalismo da Educação Infantil e fazemos isso com um documento que diz que a gente precisa ter técnica e conhecimento científico muito específico para trabalhar com a educação infantil. É muito desafiador trabalhar com criança pequena e nos dá a sensação de que estamos muito vivos e podemos fazer alguma coisa para melhorar o futuro da nossa cidade e do nosso país”, disse a gerente de conhecimento aplicado da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal, Beatriz Abuchaim.

Posteriormente, foram realizadas pesquisas de campo em escolas da sede e distrito, com gestores escolares, professores, familiares e com crianças do 1° ano do ensino fundamental. As visitas também ocorreram nos centros de educação infantil com observação de sala de aula, diálogo com as crianças do infantil V e familiares de todos os segmentos. O documento também passou por uma consulta pública tendo recebido a contribuição de 174 pessoas, sendo mais da metade composta por professores da rede municipal.
 
Para a coordenadora da Educação Infantil, Kathleen Arcanjo, a elaboração deste currículo específico para a Educação Infantil “é um marco histórico para Sobral, que mais uma vez dá exemplo de uma gestão eficaz e de uma educação que não se cansa de dar orgulho ao povo desta terra”.



O Currículo da Educação Infantil de Sobral se estrutura a partir de princípios e concepções que orientam as propostas pedagógicas, com vistas ao desenvolvimento pleno das crianças. Esses princípios estão expressos em sete afirmativas que ressaltam concepções de criança, desenvolvimento integral, inclusão e respeito à diversidade humana, currículo, professor, família e integração curricular. A partir dos saberes construídos na própria rede e em articulação com a Base Nacional Comum Curricular, o Currículo da Educação Infantil busca superar os desafios atuais e ampliar o diálogo para garantir as múltiplas vozes e experiências que compõem a rede.
 
Confira o currículo AQUI
 



Brinquedoteca Pública Municipal é espaço de referência do brincar, um laboratório de ensino-aprendizagem que busca garantir o “direito de brincar” para crianças e adolescentes. Na Brinquedoteca a criança é livre para brincar, respeitando-se a sua individualidade de criar e aprender, e tem acesso a uma grande variedade de brinquedos, dentro de um ambiente especialmente lúdico e prazeroso.

Inaugurada em dezembro de 2010, em convênio com o Fundo das Nações Unidas para a Infância - Unicef, a Brinquedoteca Pública Municipal é vinculada à Secretaria da Educação de Sobral e funciona no subsolo da Biblioteca Pública Lustosa da Costa, na Margem Esquerda do Rio Acaraú. O equipamento foi reinaugurado em dezembro de 2015, quando recebeu o nome de “Brinquedoteca do Didi”, numa homenagem ao mais famoso personagem do sobralense Renato Aragão.

Serviço:

Agendamento de visitas à Brinquedoteca do Didi 

terça a sexta-feira nos horários: 8h30 as 10h e 14h as 15h30

Contato: (88) 3611-1000 Email: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

 
Professores, diretores e coordenadores pedagógicos da Rede Municipal de Ensino participaram, nos dias 27, 29 e 30 de janeiro, do Seminário de Abertura do Ano letivo 2020, no Centro de Educação a Distância. Com o tema “Currículo – O professor como protagonista e empreendedor pedagógico”, o evento reuniu mais de 1.500 educadores visando prepará-los para assumirem as salas de aulas com muito conteúdo e motivação.

O secretário da Educação de Sobral deu as boas-vindas aos educadores e desejou um excelente ano letivo para todos. “Desejo que o ano de 2020 possa ser um ano de bons resultados, de muito trabalho, de muito compromisso, de empenho e de comprometimento para que o trabalho que vem sendo desenvolvido por vocês, professores e professoras da rede pública municipal de Sobral, possa prezar pelo desenvolvimento das competências socioemocionais”, disse o secretário.


O gestor ressaltou que as escolas de tempo integral já possuem psicólogos e que nos próximos dias serão chamados mais orientadores educacionais, aprovados em concurso para contribuírem com o ensino fundamental I. “Tudo correndo bem, em breve Sobral será a primeira cidade do Brasil a ter psicólogo em cada unidade escolar, para auxiliar e contribuir com o trabalho dos professores”, adiantou Herbert Lima.  

O evento teve início na segunda-feira (27/01) com a palestra proferida pelo Prof. Dr. Vicente Martins para professores atuantes na Educação de Jovens e Adultos (EJA). Na quarta-feira (29/01), foi proferida a palestra com a professora Dra. Francisca Geny Lustosa para professores do Ensino Fundamental - Anos Iniciais (1º ao 5º ano) e na quinta-feira (30/01) foi proferida a palestra pelo Prof. Dr. Cassemiro Campos. Os professores da Rede Municipal de Ensino de Sobral receberam também os kits de materiais pedagógicos.

 
Para começarmos o nosso ano de trabalho é sempre muito bom estarmos juntos conversando, dialogado sobre as nossas tarefas. Começo agradecendo ao secretário da Educação por todo apoio, por todo investimento, por toda dedicação dele à nossa política de educação, por todas as ações que ele tem apoiado. Qualificar as ações na sala de aula é para isso que temos trabalhado muito e é isso que nós queremos, que o trabalho do professor em sala de aula seja mais qualificado, seja mais efetivo”, disse a coordenadora de Ensino Fundamental, Edna Carvalho.

- Veja todas as fotos abaixo:

Educação de Jovens e Adultos

Ensino Fundamental I (1º ao 5º ano)

Ensino Fundamental II (6º ao 9º ano)
 

 

 

Continuam abertas as matrículas para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) nas escolas da rede pública municipal de Sobral. A modalidade atende pessoas acima dos 15 anos de idade, que não concluíram o ensino fundamental. As aulas ocorrem no período da noite, de segunda a sexta-feira.

Os interessados devem procurar a escola mais próxima de sua casa, portando os documentos: RG, CPF, comprovante de residência e uma foto 3x4. A Secretaria da Educação de Sobral oferece aos alunos matriculados todo material didático gratuito para utilizarem na escola e nas atividades de casa.

A EJA é uma modalidade de ensino garantida pela Lei de Diretrizes e Bases (LDB) da Educação Nacional. Em Sobral, ela está estruturada em quatro turmas: EJA I (1º, 2º, 3º ano), EJA II (4º e 5º ano), EJA III (6º e 7º ano) e EJA IV (8º e 9º ano). Com metodologias e material didático diferenciados, os professores da EJA realizam um trabalho personalizado com cada aluno, estimulando o envolvimento do discente.

- Veja a lista das 24 escolas que oferecem a EJA, clicando aqui.