Além de ser destaque na qualidade de ensino, a Rede Pública Municipal de Sobral também reconhece o mérito dos seus educadores e busca incentivá-los. No mês de fevereiro, a professora Edna Lúcia Brito, foi aprovada no processo seletivo do Mestrado Acadêmico em Geografia ofertado pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA). A iniciativa faz parte da política de valorização do Magistério, desenvolvida pela Secretaria da Educação em busca capacitar e engajar professores em práticas inovadoras e cursos preparatórios para especializações e mestrados acadêmicos. Conforme prevê o Plano de Cargos e Remuneração do Magistério (decreto municipal nº 1.325, de 22 de agosto de 2011), os professores selecionados deverão se dedicar, exclusivamente, às atividades acadêmicas ao longo do tempo do Mestrado.

Graduada em Pedagogia pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Edna foi aprovada no concurso público da Rede Municipal de Sobral em 2002. Atualmente, ela é vice-diretora da Escola Sobralense de Tempo Integral Maria Dias Ibiapina. A educadora, que também tem especialização em Desenvolvimento e Meio Ambiente, relata que ingressar no Mestrado era um dos seus objetivos mais esperados.  

"Estou muito feliz porque começo a concretizar um sonho nutrido há muitos anos e não teria como fazer o Mestrado em outras circunstâncias. Esse era o curso que eu desejava. Não tem nenhum outro curso em nenhuma outra parte do Planeta que queria fazer como o Mestrado Acadêmico em Geografia. E esse convênio firmado pela Prefeitura com a UVA era a oportunidade que eu estava esperando", explicou. 

O Mestrado Acadêmico em Geografia visa formar profissionais especializados capazes de contribuírem para o desenvolvimento regional, assim como promover a articulação das atividades de pesquisa com a Educação Básica. Em convênio firmado com a UVA, a Secretaria da Educação de Sobral garantiu a concessão de vagas para os professores efetivos das áreas de Geografia, Pedagogia, História, Filosofia e Sociologia.