Sobral conquistou, pela terceira vez consecutiva, a maior nota do Brasil no Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (IOEB) 2019. Com nota 6,6, Sobral supera as médias nacional (4,7) e cearense (5,1) e apresentou um crescimento (0,5 pontos) desde quando o indicador foi divulgado pela primeira vez em 2015. O indicador avaliou 4.909 municípios em todo o País analisando as oportunidades de educação de qualidade oferecidas para crianças e adolescentes.

Dos 20 municípios brasileiros com maiores notas, 13 são municípios cearenses: Jijoca de Jericoacoara aparece em 2º lugar com nota 6,2; Milhã em 3º lugar empatada com Coruripe (AL) com nota 6,1; Coreaú e Nova Olinda em 5º lugar com nota 6,0; Forquilha (em 8º lugar) com nota 5,9; além de Penaforte, Catunda, Ararendá, Brejo Santo, Deputado Irapuan Pinheiro, Eusébio e Itatira, que figuram em 11º lugar todos com nota 5,8. O Estado do Ceará ficou em 4º lugar no Brasil empatado com os estados do Paraná e Santa Catarina.

O IOEB engloba da educação infantil ao ensino médio de todas as redes educacionais do município - rede estadual, municipal e privada -, incluindo também quem está fora da escola e não deveria estar, e identifica quanto cada cidade ou estado contribui para o sucesso educacional dos indivíduos que lá vivem.

O IOEB é um índice único para cada localidade (município ou estado) formado pela relação entre os resultados educacionais, como o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica dos anos iniciais e finais do ensino fundamental e taxa líquida de matrícula do ensino médio; insumos educacionais: escolaridade dos professores, experiência dos diretores, número de horas-aula por dia, taxa de atendimento na educação infantil; e escolaridade média dos pais.

- Consulte os resultados em http://ioeb.org.br/