As escolas municipais de Sobral foram convidadas pela associação científica “Ciência Viva” de Portugal para participar, juntamente com escolas portuguesas e de São Tomé e Príncipe de um projeto educativo em comemoração pelo centenário do eclipse de 1919. Com o eclipse total do sol, observado em Sobral e na Ilha do Príncipe, foi confirmada a Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein, que previa a curvatura dos raios luminosos das estrelas, provocada pela deformação do espaço à volta do Sol.

As inscrições seguem até o dia 15 de fevereiro e as equipes devem ser compostas por até três estudantes e um professor e deverão desenvolver trabalhos abordando os eventos históricos ligados à expedição científica a Sobral, a ciência nela envolvida, atividades experimentais ou a divulgação à comunidade.

As escolas participantes deverão enviar, até o dia 26 de abril, vídeo com a duração de 3 a 5 minutos apresentando os seus trabalhos. No vídeo, a equipe deverá descrever todas as fases do seu projeto e as suas conclusões, assim como a apresentação dos seus elementos. No trabalho serão avaliadas a clareza na comunicação, correção científica e a criatividade.

De acordo com a modalidade de ensino, os alunos com os trabalhos mais significativos serão convidados a participar virtual ou presencialmente nas sessões em Sobral (Brasil), São Tomé e Príncipe ou mesmo no encontro de Ciência 2019 em Lisboa, Portugal.

Ciência Viva - Agência Nacional para a Cultura Científica e Tecnológica é uma associação científica, sem fins lucrativos, sediada em Lisboa-Portugal, que tem como objetivo difundir a cultura científica e tecnológica, apoiando o ensino experimental das ciências e à promoção da educação científica nas escolas.

- Faça sua inscrição AQUI.